Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira <p class="MsoNormal" style="text-align: justify; line-height: 1,5; margin: 0cm 0cm 0pt;">Fronteira é uma publicação semestral do Departamento de Relações Internacionais, da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, classificada como B5 no QUALIS de sua área "Ciência Política e Relações Internacionais" (Plataforma Sucupira - CAPES - Brasil).<br><strong>Missão:</strong> veicular trabalhos de iniciação científica que contribuam para o avanço da pesquisa, especialmente na área de Relações Internacionais, da formação acadêmica crítica e integral, aberta ao diálogo, à perspectiva interdisciplinar e à pluralidade de ideias.<br><strong>ISSN 1679-5377</strong><br><strong>e-ISSN 2318-1680</strong></p> pt-BR <p>Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:<br><br></p> <ol type="a"> <ol type="a"> <li class="show">Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a&nbsp;<a href="http://creativecommons.org/licenses/by/3.0/" target="_new">Licença Creative Commons Attribution</a> que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.</li> <li class="show">Autores têm autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não-exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista (ex.: publicar em repositório institucional ou como capítulo de livro), com reconhecimento de autoria e publicação inicial nesta revista.</li> <li class="show">Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal) a qualquer ponto antes ou durante o processo editorial, já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado (Veja&nbsp;<a href="http://opcit.eprints.org/oacitation-biblio.html" target="_new">O Efeito do Acesso Livre</a>).</li> </ol> </ol> fronteira@gmail.com (Dr. Leonardo César Ramos) fronteira@gmail.com (Matheus de Abreu Costa Souza) qua, 10 jul 2024 21:06:18 +0000 OJS 3.1.2.1 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 Sumário https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/33619 Revista Fronteira Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/33619 qua, 10 jul 2024 21:00:05 +0000 A gigante China: o Estado pária que hoje é elemento chave para o sucesso do combate às mudanças climáticas https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/31905 <p>Há mais de uma década, a China é o Estado que mais emite gases do efeito estufa na atmosfera. Por esse motivo, visando evitar o agravamento das mudanças climáticas, é fundamental compreender o contexto doméstico e internacional desse ator com relação a esse tema. Dito isso, o presente trabalho fará a contextualização sobre as mudanças climáticas no campo das relações internacionais e propõe a teoria neoliberal para fundamentar sua análise e explicação da adaptação da postura e ações da China acerca dessa temática no período entre 1998 e 2020. Setor que já correspondeu a parcela equivalente a 89% das emissões do país, a matriz energética é peça chave para que as metas definidas pela comunidade científica a respeito das emissões mundiais sejam atingidas e, a partir da análise da sua alteração no período selecionado, é possível compreender de que maneira o governo chinês tem se adaptado às mudanças climáticas. Constrangimentos e incentivos internacionais em conjunto com comprometimentos e condições domésticas aparecem como basilares para a análise desse processo e para eventuais previsões a respeito da atuação da China dentro das mudanças climáticas e, por esse motivo, são centrais na argumentação do presente artigo.</p> Lucas Rocha de Almeida Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/31905 qua, 10 jul 2024 20:25:35 +0000 Questão Christie: Investigando Nacionalismo e suas Implicações no Brasil do Segundo Reinado https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/32280 <p><span style="font-weight: 400;">No século XIX, as relações diplomáticas Brasil-Inglaterra evoluíram, refletindo mudanças nos interesses. Este trabalho explora como influências coloniais e econômicas moldaram o nacionalismo brasileiro, conectando-o à imprensa. O nacionalismo surge como resposta a fatores políticos e busca de identidade internacional. A análise destaca a relação crucial entre nacionalismo e imprensa, com tavernas e praças sendo locais de leitura coletiva, amplificando vozes críticas e moldando opinião pública. Aliada à pesquisa de fontes secundárias e primárias, a análise enfoca como a imprensa não só refletiu, mas amplificou o nacionalismo, especialmente nas críticas a William Christie. A Questão Christie e suas implicações diplomáticas, junto ao desenvolvimento do nacionalismo e o papel central da imprensa, revelam complexidades na política externa brasileira do Segundo Reinado.</span></p> Felipe Oliveira Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/32280 qua, 10 jul 2024 20:28:31 +0000 Uma leitura da Política Externa Brasileira sob a ótica do Pós-Colonialismo: A inversão nos discursos da política externa brasileira para a África de Jânio Quadros e João Goulart para Castello Branco https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/31865 <p><span style="font-weight: 400;">Este artigo propõe-se a realizar uma análise de discurso, a partir de uma perspectiva pós-colonial, respaldada pelos pressupostos apresentados por Boaventura de Sousa Santos, Aníbal Quijano, Silvio Almeida, Abdias do Nascimento e Homi K. Bhabha. Neste sentido, a proposta é </span><span style="font-weight: 400;">explorar a inversão da política externa brasileira para África, partindo de 1961, com o governo de Jânio Quadros e João Goulart, até 1967, com o fim do governo de Castello Branco. Para isso, pretende-se investigar os discursos proferidos pelos presidentes listados, bem como as medidas adotadas em seus governos para o continente africano. Desse modo, a&nbsp; análise será feita tendo como base uma pesquisa documental e bibliográfica, além dos parâmetros de análise de discurso de política externa estabelecidos por Lene Hansen. </span></p> Nataly Silva, Maria Silveira Bueno Ferreira de Sousa , Júlia Davi Chagas Correa , Lívia Beatriz de Barros Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/31865 qua, 10 jul 2024 20:31:45 +0000 Tráfico Internacional de Mulheres: A Rota Natasha e o Complexo de Segurança Europeu https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/25582 <p>O estudo em questão trata-se de uma análise referente às redes de prostituição vistas, atualmente, como um problema transnacional que afeta diretamente a segurança dos indivíduos e, principalmente, as mulheres. O presente artigo tem como proposta usar a Rota Natasha como instrumento para pensar as condições às quais as mulheres são submetidas e como isso se configura em um problema de segurança humana, além de identificar como os Estados atuam quanto a esse problema, tratando-se de uma prática que não se restringe ao âmbito nacional. A partir disso, é visto como a Europa é um complexo de segurança que, devido à proximidade geográfica dos seus participantes, faz com que a maioria dos países europeus e do seu entorno tenham que buscar soluções conjuntamente, considerando que esse problema se ramifica para seus vizinhos. Sendo assim, buscou-se analisar, em especial no caso da Rota Natasha, como o complexo de segurança europeu pode se articular para lidar com esse problema de segurança que afeta as mulheres vítimas das redes de prostituição.</p> Áurea Araújo Camargo Pinheiro, Emilly Emanuelle Guidi Ribeiro, Juliane Bruna da Silva, Júlia Carvalho Teixeira, Maria Eugênia Nogueira Jones, Samantha Argento Zubelli de Assumpção Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/25582 qua, 10 jul 2024 20:35:28 +0000 Análise da Cadeia Global de Valor da Indústria do Café no Brasil https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/28719 <p>O presente artigo analisa a cadeia global de valor do café brasileiro. O Brasil é um dos maiores produtores como também consumidores de café em escala mundial. Toda a sua produção se concentra nos estados do Centro-Oeste e sua exportação é direcionada para países europeus e para os Estados Unidos. Contudo, não é bem inserido dentro da cadeia global de valor por falta de investimentos nacionais. &nbsp;&nbsp;</p> Mônica Fonseca dos Santos Divino, Kaiza Correia da Silva Oliveira Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/28719 qua, 10 jul 2024 20:37:41 +0000 A Adesão dos Países Bálticos na OTAN https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/29686 <p><span class="TextRun SCXW23096289 BCX0" lang="PT-BR" xml:lang="PT-BR" data-contrast="auto"><span class="NormalTextRun SCXW23096289 BCX0">O intuito do presente artigo é apresentar o contexto histórico do momento em que os </span><span class="NormalTextRun SCXW23096289 BCX0">Estados </span><span class="NormalTextRun SCXW23096289 BCX0">Bálticos se aliam a Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) e, com isso, analisar esse período com uma lente teórica neorrealista defensiva. Assim, com o estudo das obras de Kenneth N. Waltz e, também, textos acerca do campo da Ciência Política foi desenvolvida uma análise que busca compreender o motivo pelo qual a Estônia, Letônia e Lituânia, que eram </span><span class="NormalTextRun SCXW23096289 BCX0">ex-repúblicas</span><span class="NormalTextRun SCXW23096289 BCX0"> soviéticas, aderiram a OTAN em 2004.</span></span><span class="EOP SCXW23096289 BCX0" data-ccp-props="{&quot;201341983&quot;:0,&quot;335551550&quot;:6,&quot;335551620&quot;:6,&quot;335559739&quot;:160,&quot;335559740&quot;:360}">&nbsp;</span></p> Amanda Ribeiro Silva, Ana Flávia Nery Rodrigues, Júlia Pereira Nazário, Rafael Silva Lopes Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/29686 qua, 10 jul 2024 20:42:58 +0000 As máfias italiana e japonesa: uma reflexão sobre o Estado e suas políticas antimáfia a partir da década de 1990 https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/27750 <p class="Estilo1" style="text-indent: 0cm; line-height: normal;">A pesquisa procura analisar a atuação de organizações criminosas, conhecidas como máfias. Trata-se de um tema de grande relevância para a sociedade, pois esses grupos bem estruturados com monopólio da violência, mesmo que de forma ilegal e por meio de suas próprias regras, acabam por influenciar e interferir em questões políticas e de segurança. O objetivo geral do trabalho é realizar uma análise comparativa entre as máfias japonesa e italiana, desde os anos 1990, no que tange à sua relação com o Estado e suas políticas antimáfia, avaliando suas diferenças, semelhanças e singularidades. Para a realização da pesquisa, primeiramente, foi realizado o estudo dos elementos básicos fundamentais à compreensão do tema, sendo utilizado para este fim o método documental e bibliográfico, apoiando-se em literatura nacional e internacional.</p> Fernanda Kaory Ikegami Sato Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/27750 qua, 10 jul 2024 20:46:33 +0000 Segurança no Oriente Médio: a TCRS e o conflito israelo-iraniano https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/30245 <p><span style="font-weight: 400;">O presente artigo tem como objetivo, através da metodologia do </span><em><span style="font-weight: 400;">process tracing</span></em><span style="font-weight: 400;">, analisar o conflito envolvendo Israel e Irã e suas consequências locais e regionais. Para isso, a análise será feita com base nos estudos de Barry Buzan e Ole Waever sobre a Teoria dos Complexos Regionais de Segurança, desenvolvida para entender como as dinâmicas de poder regionais influenciam questões de segurança. Desse modo, este trabalho resume brevemente os momentos de cooperação entre Israel e o Irã até o início das hostilidades, buscando mostrar como o desenvolvimento do programa nuclear iraniano dificultou as relações entre os países e como este conflito afeta a dinâmica das relações entre os diferentes Estados da região.</span></p> Irla Avelino, Débora Regis Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/30245 qua, 10 jul 2024 20:49:43 +0000 A Sociedade Internacional e a ideia de Legitimidade para a Escola Inglesa: uma análise sobre o universo de John Wick https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/30877 <p><span style="font-weight: 400;">O aumento da presença das relações internacionais na vida cotidiana das pessoas fez com que muitas delas tivessem vontade de estudar um pouco mais a fundo sobre os assuntos e temas da atualidade. Porém, o estudo das RI vai muito além do que acontece hoje, e o estudo das teorias é de grande importância para começar a se pensar as RI. Através de fenômenos cotidianos, podemos pensar em várias formas de estudar esses temas e teorias, e uma dessas formas se encontra em obras cinematográficas, como é o caso deste artigo que busca analisar os filmes de John Wick com uma visão mais voltada à Escola Inglesa. Aqui, o intuito será relacionar os conceitos centrais e a ideia de Legitimidade com os filmes, e a partir disso entender essa relação como algo que pode ser estudado e aprofundado.</span></p> Maria Luiza Mariano, Larissa Diniz Aguiar Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/30877 qua, 10 jul 2024 20:52:47 +0000 Edição Completa https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/33620 <p>Revista Fronteira</p> Revista Fronteira Copyright (c) 2024 Fronteira: revista de iniciação científica em Relações Internacionais https://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/33620 qua, 10 jul 2024 21:04:49 +0000