CRIMINE E INSICUREZZA AI TEMPI DELLA PANDEMIA

  • Giovanna Truda Università degli studi di Salerno

Resumo

A dinâmica econômica e social ligada à pandemia enfatizou as
diferenças sociais, ajudando a alimentar a dinâmica do ódio por meio de ferramentas
como a Internet e as mídias sociais. Os sentimentos de insegurança dos cidadãos
alimentaram o medo e incitaram os crimes de ódio. Os crimes de ódio têm como alvo o
outro, diferente de mim e da comunidade à que pertence. Atingir o indivíduo significa,
simbolicamente, atingir um grupo. São crimes apoiados por preconceitos que afetam a
coesão da sociedade e minam os valores fundamentais das sociedades democráticas
modernas caracterizadas pelo multiculturalismo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
24-12-2023