As Mulheres são Humanas?

“Are Women Human?” from ARE WOMEN HUMAN? AND OTHER INTERNATIONAL DIALOGUES, published by The Belknap Press of Harvard University Press, © 2006 by Catharine A. MacKinnon.

  • Catharine A. MacKinnon Michigan University. Harvard University
Palavras-chave: -

Resumo

Após a Declaração Universal dos Direitos Humanos em 1948, os sujeitos humanos foram declarados titulares de direitos em suas características individuais e modos de atuação social e política. Após mais de cinquenta anos de publicação e divulgação do texto da Declaração, os direitos essenciais à pessoa humana ainda não foram assimilados ao universo feminino. Violadas em seu modo de ser e de estar no mundo, transportadas como cargas para serem vendidas para fins de entretenimento sexual, exploradas em seus trabalhos e em seus corpos, o direito à dignidade humana ainda não foi tateado pelas mulheres. Seriam elas humanas? Para o cenário ético-político pós 1948? Ou a Declaração e seus signatários teriam se esquecido do sentido de ser humano realmente? De fato, a mera titularidade de direitos não parece denotar a complexidade vivida pelas mulheres ao longo da história da cultura.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

RORTY, Richard. “Feminism and Pragmatism,” 30 Michigan Quarterly Review 231, 234 (Spring 1991).

Radhika Coomaraswamy, Report of the Special Rapporteur on Violence Against Women, Its Causes and Consequences, U.N. ESCOR Hum. Rts. Comm’n, 52d Sess., Prov. Agenda Item 9(a), U.N. Doc. E/CN.4/1996/53 (1996).

Radhika Coomaraswamy, Report, U.N. ESCOR Hum. Rts. Comm’n, 53d Sess., Prov. Agenda Item 9(a), U.N. Doc. E/CN.4/1997/47 (1997).

Traffic in Women and Girls, Sub-Commission on Human Rights Resolution 2002/51 E/CN.4/RES/2002/51 (Apr. 23, 2002).

UNESCO, Statistical Yearbook 1997 2–6 tbl. 2–2. The majority of the world’s illiterate people are Women.

Universal Declaration of Human Rights, G. A. Res. 217, U.N. GAOR, 3d Sess., at 72–76, U.N. Doc. A/810 (1948). Radhika Coomaraswamy, Report Submitted by the Special Rapporteur on Violence Against Women, Its Causes and Consequences, Commission on Human Rights, 50th Sess., Agenda Item 11(a), U.N. Doc. E/CN.4/1995/42 (1995).

Publicado
14-09-2020