Para além da normalização: aspectos discursivos das normas de padronização

  • Daniella Lopes Dias Ignácio Rodrigues PUC Minas
Palavras-chave: Revisão de Textos, Normalização, Discurso, Editoras, Intervenção do revisor.

Resumo

O objetivo deste artigo é refletir sobre as normas de padronização do texto acadêmico-científico sob o viés discursivo tomando como objeto de análise prescrições relativas ao uso de aspas e itálico, do discurso relatado e das marcas de pessoa. Toma-se como corpus orientações de duas editoras – uma de Minas Gerais e outra de São Paulo – e três manuais de normalização. A tese defendida é a de que a intervenção do revisor de textos vai além do sistema linguístico e das questões normativas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AUTHIER-REVUZ, Jacqueline . Palavras incertas: as não-coincidências do dizer. Tradução de Claudia R. Castellanos Pfeiffer, et al. Revisão técnica datradução Eni Pulccinelli Orlandi Campinas: Ed. da UNICAMP. 1998.

AUTHIER-REVUZ, Jacqueline. Heterogeneidade mostrada e heterogeneidade constitutiva: elementos para uma abordagem do outro no discurso. In: Entre a transparência e a opacidade: um estudo enunciativo do sentido. Apresentação Marlene Teixeira; revisão técnica da tradução de Leci Borges Barbisan e Valdir do Nascimento Flores. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004.

BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e Filosofia de Linguagem. São Paulo: Hucitec, 2004.

BOCH, Françoise; GROSSMANN, Francis. Referir-se ao discurso do outro: alguns elementos de comparação entre especialistas e principiantes. Belo Horizonte: Scripta, v. 6, n° 11, 2° sem. de 2002.

CARDOSO, Silvia Helena B. Discurso e ensino. Belo Horizonte: Autêntica, 1999.

FOUCAULT, Michel. A arqueologia do Saber. Rio de Janeiro: Forense

Universitária, 2005.

FRANÇA, Júnia L.; VASCONCELLOS, de Ana Cristina. Manual de normalização de publicações técnico-científicas. 8 ed. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2008.

MAINGUENEAU, Dominique. Novas tendências em Análise do Discurso. 3 ed. São Paulo: Pontes, 1997.

MATENCIO, Maria de Lourdes. M. Alfabetização e educação ao longo da vida: a questão conceitual. III Telecongresso Internacional de Educação de Jovens e Adultos. Belo Horizonte: SESI Minas, 2003.

MEDRADO, Benedito. Textos em cena: a mídia como prática discursiva. In: SPINK, Mary, Jane. Práticas discursivas e produção de sentidos no cotidiano: aproximações teóricas e metodológicas. São Paulo: Cortez, 1999.

MUNIZ Jr, José de Souza. A intervenção textual como atividade discursiva: considerações sobre o laço social da linguagem no trabalho de edição, preparação e revisão de textos. (2009). Disponível em: <http://www.intercom.org.br/papers/nacionais/2009/resumos/R4-1079-1.pdf>. Acesso em: mar. 2015.

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS. Pró-reitora

de Graduação. Sistema de Bibliotecas. Padrão PUC Minas de normalização: normas da ABNT para apresentação de artigos de periódicos científicos. Belo Horizonte: PUC Minas, 2010. Disponível em:<http://www.pucminas.br/documentos/normalizacao_artigos.pdf>. Acesso em: out. 2015.

RODRIGUES, André Figueiredo. Como elaborar citações e notas de rodapé. 3 ed. São Paulo: Associação Editorial Humanitas, 2005.

SALGADO, Luciana Salazar. Ritos genéticos editoriais: uma abordagem discursiva da edição de textos. Rev. Inst. Estud. Bras., São Paulo , n. 57, Dec. 2013 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0020-38742013000200011&lng=en&nrm=iso>. Acesso em: 19 mar. 2015.

Publicado
28-01-2016
Como Citar
Rodrigues, D. L. D. I. (2016). Para além da normalização: aspectos discursivos das normas de padronização. Scripta, 19(36), 357-368. https://doi.org/10.5752/P.2358-3428.2015v19n36p357
Seção
Dossiê interação, formação e ação profissional