Dois artistas de Minas Gerais na Semana de Arte Moderna: revisão e descentramento do modernismo de 22

  • Ivana Ferrante
Palavras-chave: Semana de Arte Moderna, Agenor Barbosa, Zina Aita, Participação de Minas Gerais

Resumo

Este artigo traz à cena a participação e dois artistas de Minas Gerais na Semana de Arte Moderna: o poeta Agenor Barbosa e a pintora Zina Aita. Desconhecidos na contemporaneidade, Barbosa e Aita integram a lista dos que foram excluídos dos estudos sobre o festival de arte. Nos estudos correntes acerca da Semana de Arte Moderna, prevalece a ideia que propõe a episteme dos “deste lado da linha” como única a ser seguida, como bem fundamentou Boaventura de Sousa Santos (2007). A participação de Minas Gerais, rasurada pela história, pode ser vista como a voz do outro lado. Barbosa levou para os palcos do teatro Municipal a integração do simbolismo com a “arte nova” ; Zina Aita apresentou em suas telas as influências da vanguarda europeia e o colorismo excêntrico em diálogo com o barroco mineiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AMARAL, Aracy. Artes plásticas na Semana de 22. 5. ed. São Paulo, SP: Editora 34, 1998.

AMARAL, Tarsila. Pintura Pau Brasil e Antropofagia. Revista Anual do Salão de Maio. São Paulo, n 1, 1939.

AMARAL, A. O modernismo brasileiro e o contexto cultural dos anos 20. Revista USP, (94), 9-18, 2012, disponível em: https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.v0i94p9-18. Acesso em 13 nov. 2021.

ANDRADE, Mário de. Folhas mortas. In: BATISTA, Martha Rossetti et al. Brasil: primeiro tempo modernista – 1917/29; documentação. São Paulo: Instituto de Estudos Brasileiros – USP/IEB, 1972

ANDRADE, Mário de. “O movimento modernista” In: Aspectos da literatura brasileira. 5ª ed. , São Paulo, Matins, 1974, p. 235.

BOAVENTURA, Maria Eugênia (org.). 22 por 22. A Semana de Arte Moderna vista pelos seus contemporâneos. São Paulo: EDUSP, 2000.

Brito, Mário da Silva. História do modernismo brasileiro: antecedentes da Semana de Arte Moderna. São Paulo: Civilização Brasileira. 4ª ed., 1974.

CURY, Maria Zilda Ferreira. Horizontes modernistas: o jovem Drummond e seu grupo em papel jornal. Belo Horizonte: Autêntica, 1998. p. 79.

ELIOT, T.S. O que é poesia menor. Disponível em https://pt.scribd.com/document/370547174/O-Que-e-Poesia-Menor-T-S-Eliot. Acesso em 13 nov. 2021.

GONÇALVES, Marcos Augusto. 1922. A Semana Que Não Terminou. São Paulo: Companhia das Letras, 2012.

MARQUES, Ivan. Cenas de um Modernismo de Província. Drummond e outros rapazes de Belo Horizonte. São Paulo: USP, Editora 34.

MATTOS, Aníbal. Uma artista belo-horizontina. Diário de Minas, Belo Horizonte, 20 jan. 1920.

MILLIET, Sérgio. Uma Semana de Arte Moderna em São Paulo. A jovem literatura brasileira. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros, São Paulo, 1992. p. 199-2190.

MORAES, Rubens Borba de. Recordações de um sobrevivente da Semana de Arte Moderna. Correio Braziliense, 21 fev.1970.

MOISÉS, Massaud. História da literatura brasileira, v. 3, Modernismo, São Paulo, Cultrix, 2019.

PASINI, Leandro. A Semana de 22 e a poesia. Contradições e desdobramentos. Remate dos Males, Campinas, São Paulo, v. 33, n. 1-2, jan./dez. 2013. p.191-210.

PICCHIA, Menotti del. A segunda batalha. Correio Paulistano. p. 04, 15 fez. 1922.

REBELLO, Ivana Ferrante e PAULA, Fabiano Lopes de. Uma tristeza min eira numa capa de garoa. Agenor Barbosa: um poeta mineiro na Semana de Arte Moderna. 1ed. Belo Horizonte, ed. Ramalhete, 2020. p. 171.

SOUZA SANTOS, Boaventura de. Para além do pensamento abissal. Novos estudos CEBRAP, nov. 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/j/nec/a/ytPjkXXYbTRxnJ7THFDBrgc/?lang=pt. Acesso em: 18 ago. 2021.

THALASSA, Ângela. Correio Paulistano. O primeiro diário de São Paulo e a cobertura da Semana de Arte Moderna. Dissertação (Mestrado em Comunicação e Semiótica) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.

VIEIRA, Ivone Luzia. Vanguarda modernista nas artes plásticas: Zina Aita e Pedro Nava nas Minas Gerais da década de 20. Tese (Doutorado em Artes) - Universidade de São Paulo, São Paulo, 1994.

VIEIRA, Ivone Luzia. Exposições de arte moderna no Brasil do século XX: a dialética dos ciclos. Comitê brasileiro de história da arte, 26., 2007, p. 342-352.

REBELLO, Ivana Ferrante e PAULA, Fabiano Lopes de. Uma tristeza mineira numa capa de garoa. Agenor Barbosa: um poeta mineiro na Semana de Arte Moderna. 1ed. Belo Horizonte, ed. Ramalhete, 2020. p. 171.

Publicado
11-01-2022
Como Citar
Ferrante, I. (2022). Dois artistas de Minas Gerais na Semana de Arte Moderna: revisão e descentramento do modernismo de 22. Scripta, 25(55), 212-246. https://doi.org/10.5752/P.2358-3428.2021v25n55p212-246