A PANDEMIA DO NOVO CORONAVÍRUS, O ENSINO DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS E AS TECNOLOGIAS DIGITAIS

  • Valquíria Carolina Pimentel Sales de Carvalho
Palavras-chave: Pandemia do coronavírus. Ensino de língua estrangeira. Tecnologia digital.

Resumo

O artigo discorre sobre a Pandemia do COVID-19, o ensino de línguas estrangeiras e a tecnologia digital nesse contexto, apresentando as diferenças entre EAD e RLR e as soluções encontradas pela escola.  Fizemos um paralelo entre a pandemia de Gripe Espanhola de 1918-19 e a Pandemia do Novo Corona Vírus, verificando lições não aprendidas e como isso afetou a educação no início do século passado e agora. Terminamos fazendo previsões sobre a educação pós-COVID-19 e o uso crescente da tecnologia digital no ensino de línguas estrangeiras.

Referências

AMSTER, E. CHAIR, H. The History of Medicine: What the past can tell us about Covid-19 and our future. Disponível em: https://brighterworld.mcmaster.ca/articles/historys-crystal-ball-what-the-past-can-tell-us-about-covid-19-and-our-future/. Acesso em: 29 jun. 2020.
ARAGÓN, R. “Educação pós-coronavírus: mais tecnologias digitais e novos ecossistemas pedagógicos” Disponível em: https://gauchazh.clicrbs.com.br/comportamento/noticia/2020/04/educacao-pos-coronavirus-mais-tecnologias-digitais-e-novos-ecossistemas-pedagogicos-ck9d76jx6004n017n2unxog1q.html. Acesso em: 23 abr. 2020.
BRYDON, D. Local Needs, Global Contexts: Learning New Literacies. In: MACIEL, R.F.; ARAUJO, V. de A. Formação de Professores de Línguas: Ampliando Perspectivas. Jundiaí, Paco Editorial 2011, p. 93-109
DIAS, R.; PIMENTA, S. M. O. Technologies, literacies in English oral communication and teacher education: an empirical study at the university level. Revista Brasileira de Linguística Aplicada, Belo Horizonte, v. 15, n. 3, p. 711-733, 2015.
GIBSON, J. J. The ecological approach to visual perception. Hillsdale, NJ: Lawrence Erlbaum, 1986.
GOULART, A. da C. Revisitando a espanhola: a gripe pandêmica de 1918 no Rio de Janeiro. Hist. ciec. saude-Manguinhos [online]. 2005, v. 12, n. 1 [cited 2015-12-04], p. 101-142. Available from: ISSN 1678-4758.
KOLATA, G. Gripe: a história da pandemia de 1918. Rio de Janeiro: Record, 2002. 382p.
KOPE, B.; KALANTZIS, M. Multiliteracies: Literacy learning and the design of social futures. London: Routledge, 2000.
LEFFA, V. J. A aprendizagem de línguas mediada por computador. In: LEFFA, Vilson J. (org.). Pesquisa em linguística Aplicada: temas e métodos. Pelotas: Educat, 2006, p. 11-36.
LOBATO, F. “Fiocruz lança Guia de Tecnologias Educacionais para facilitar atividades na pandemia”. Disponível em: https://portal.fiocruz.br/noticia/fiocruz-lanca-guia-de-tecnologias-educacionais-para-facilitar-atividades-na-pandemia. Acesso em: 01 jul. 2020.
MENEZES, V. Affordances for language learning beyond the classroom. In: Benson, P.; Reinders, H. Beyond the language classroom. Basingstoke: Palgrave McMillan, 2011. p. 59-71.
MUÑOZ, R. “A experiência internacional com os impactos da COVID-19 na educação”. Disponível em: https://nacoesunidas.org/artigo-a-experiencia-internacional-com-os-impactos-da-covid-19-na-educacao/. Acesso em: 20 abr. 2020.
NUNES, T. C. G. A precarização no teletrabalho: escravidão tecnológica e impactos na saúde física e mental do trabalhador. Belo Horizonte: RTM, 2018. 329p.
PAIVA, V. L. M. de O. O uso da tecnologia no ensino de línguas estrangeiras: breve retrospectiva histórica. Disponível em: http://www.veramenezes.com/techist.pdf. Acesso em: 02 dez. 2020.
PAIVA, V. L. M.de O.; SADE, L. A. Avaliação, Cognição e Poder. Revista Brasileira de Linguística Aplicada. v. 6, n. 2, p. 33-57, 2006.
PESQUISA tenta entender a complicada relação entre idosos e tecnologia. 25 de outubro de 2013. Disponível em: https://www5.usp.br/35129/pesquisa-tenta-entender-a-complicada-relacao-entre-idosos-e-tecnologia/. Acesso em: 22 jun. 2020.
PLANEJAMENTO, conectividade e tecnologia: quais são os principais desafios da educação em tempos de pandemia.– Disponível em: https://gife.org.br/planejamento-conectividade-e-tecnologia-quais-sao-os-principais-desafios-da-educacao-em-tempos-de-pandemia/. Acesso em: 28 jun. 2020.
PRENSKY, M. - Nativos Digitais, Imigrantes Digitais. NCB University Press, v. 9, n. 5, out. 2001 © 2001 Marc Presnky.
SANTOS, M. dos; SCARABOTTO, S. do C. dos A.; MATOS, E. L. M. Imigrantes e nativos digitais: um dilema ou desafio na educação? X Congresso de Educação –EDUCERE, Curitiba, 2011.
SILVA JR, J.H.; COSTA, K. F. Uso da tecnologia no ensino de língua estrangeira. ISSN 1981 6677. 02 jul. 2020.;
SINGHAL, M. The internet and foreign language education: benefits and challenges. The Internet TESL Journal, v. III, n. 6, June 1997. Disponível em: iteslj.org/Articles/Singhal-Internet.html. Acesso em: dez. 2012.
SOUZA, C. M. C. de. A gripe espanhola na Bahia de Todos os Santos: entre os ritos da ciência e os da fé. Dynamis, v. 30, p. 41-63, 2010.
TEIXEIRA, L. A. Medo e morte: Sobre a epidemia de gripe espanhola de 1918. Rio de Janeiro: Universidade do Estado do Rio de Janeiro/Instituto de Medicina Social, 1993. 32p. (Série Estudos em Saúde Coletiva, .59).
Publicado
12-07-2021