A Belle Époque Brasileira: as transformações urbanas no Rio de Janeiro e a sua tentativa de modernização no século XIX (The Belle Époque Brazilian's: the urban transformations in Rio de Janeiro and its attempt to modernize in the nineteenth century)

  • Sérgio Luiz Milagre Júnior PUC Minas
  • Tabatha de Faria Fernandes PUC Minas
Palavras-chave: Modernidade, Modernização, Paris, Rio de Janeiro.

Resumo

O presente artigo propõe, através de estudo bibliográfico, analisar o processo de inserção do Brasil na Belle Époque, por meio das transformações urbanísticas que ocorrem no Rio de Janeiro, no século XIX, tendo a França como uma referência cultural. Para tal, será discutido, ainda, conceitos de modernização, modernidade e modernismo, a fim de entender esse contexto de ruptura de uma sociedade tradicional para outra moderna. O objetivo principal foi mostrar que, mesmo com a ruptura do passado tradicional, muito se preservou do período colonial.

ABSTRACT

This article proposes to analyze, through a bibliographic study, the process of insertion of Brazil in the Belle Époque, by the urban transformations that took place in nineteenth century Rio de Janeiro, having France as a cultural reference. In addition, we will discuss concepts of modernization, modernity and modernism in order to understand this context of rupture from a traditional society to a modern one. Its main objective is to show that even with the rupture from the traditional past, much has been preserved from the colonial period.

Keywords: Modernity; Modernization; Paris; Rio de Janeiro.

Biografia do Autor

Sérgio Luiz Milagre Júnior, PUC Minas

Possui curso-técnico-profissionalizante pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Ouro Preto (2009). Graduando em História pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas).



Tabatha de Faria Fernandes, PUC Minas
Graduanda do Curso de História pela PUC Minas.

Referências

ANDERSON, Perry. Modernidade e Revolução. 1984. Disponível em: <http://www.iep.org.br/livros0modernidade_-_revolução.pdf>. Acesso em: 18 maio. 2009.

BERMAN, Marshall. Tudo que é sólido desmancha no ar: a aventura da modernidade. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

BRESCIANI, Maria Stella Martins. Londres e Paris no século XIX: espetáculo da pobreza. São Paulo: Brasiliense, 2004.

CARVALHO, José Murilo de. Os Bestializados: o Rio de Janeiro e a República que não foi. São Paulo: Companhia das Letras, 1987.

CHALHOUB, Sidney. Cidade Febril: cortiços e epidemias na Corte imperial. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.

HOBSBAWN, Eric J. A Era das Revoluções: Europa 1789-1848. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1977a.

HOBSBAWN, Eric J. A Era do Capital: 1848 – 1875. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1977b.

NEEDELL, Jeffrey. Belle Époque Tropical: sociedade e cultura no Rio de Janeiro na virada do século. Trad.: Celso Nogueira. São Paulo: Cia das Letras, 1993.

ORTIZ, Renato. Cultura e Modernidade: a França no século XIX. São Paulo. Editora Brasiliense, 1991.

PEREIRA, Elizabeth Guerra Parreiras Baptista. Cidades da América Latina: modernas ou modernizadas. Cadernos de História, Belo Horizonte, v. 6, n. 7, p. 49-56, Nov. 2010. ISSN 2237-8871. Disponível em: . Acesso em: 14 jan. 2012.

RÉMOND, René. O Século XIX: 1815 – 1914. São Paulo: Editora Cultrix, 1974.

SEVCENKO, Nicolau. Literatura como Missão: tensões sociais e criação cultural na Primeira República. São Paulo: Brasiliense, 1999.

Publicado
20-05-2013
Seção
Artigos/Articles