Guerra do Kosovo e Segurança Internacional: uma breve análise sobre a Resolução do Conflito e os desdobramentos atuais

  • Fernanda Menezes dos Santos Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas)
  • Flávio Timar Rodrigues PUC Minas
  • Isadora Ferreira Marinho Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas)

Resumo

A Guerra do Kosovo foi um dos conflitos que marcaram a desintegração da antiga Iugoslávia durante a década de 1990, influenciada pela queda dos regimes socialistas da região, com o fim da Guerra Fria. Demarcada pela divisão étnica da população, cuja maioria era kosovar albanesa, a Guerra do Kosovo pode ser considerada como um caso representativo de como os efeitos de acordos de paz podem reverberar por décadas mesmo após o fim dos conflitos, resultando em outras problemáticas, mesmo que haja a resolução destes. Isto porque, dada a sua complexidade e a dificuldade das duas partes conflitantes chegarem em um acordo que as satisfizesse, foi necessária uma mediação externa na sua resolução sendo que esse acordo promoveria implicações ainda hodiernamente, como se verá no presente artigo. Desta forma, este trabalho tem como intuito esclarecer as implicações atuais do processo de paz da Guerra do Kosovo. A metodologia a ser utilizada diz respeito a uma metodologia essencialmente qualitativa, por meio da aplicação do método do Estudo de Caso. Para a verificação da hipótese, por conseguinte, utilizar-se-á a revisão bibliográfica de fontes primárias e secundárias acerca do conflito, utilizando-se como marco teórico conceitos e análises advindas da área de Segurança Internacional e, mais precisamente, da área dos Estudos de Paz. Nesse sentido, serão analisados quais foram os principais mecanismos utilizados ao longo da negociação e quais são os seus impactos na atualidade. Dito isso, a hipótese advogada por este trabalho afirma que as implicações atuais do acordo resultaram em um não reconhecimento do Kosovo por parte de uma série de Estados e organismos, assim como provocaram na emergência de novas reflexões sobre a intervenção humanitária a partir dos ocorridos durante a guerra. Para tanto, o presente artigo iniciar-se-á com a revisão bibliográfica dos principais conceitos a serem utilizados para a análise do tema, a partir das considerações de teóricos renomados do campo dos Estudos de Paz da Segurança Internacional. Adiante, será feita uma breve contextualização histórica acerca da Guerra do Kosovo, apresentando os seus antecedentes e como a conjuntura regional daquele momento influenciou na ascensão do conflito, perpassando ainda pelos principais eventos ocorridos durante a Guerra e após seu fim. Em seguida, analisar-se-á, a partir da hipótese proposta, os desdobramentos atuais resultantes da Guerra do Kosovo e, em seguida, o acordo de paz que deu fim ao conflito, concluindo-se que esse resultou em um não reconhecimento internacional unânime do Kosovo como um Estado soberano e independente. Além disso, contribuiu para a reflexão e atualização das concepções sobre a intervenção humanitária promovida por organizações internacionais, haja vista as gerações de intervenções humanitárias exercidas ao longo das décadas. Com isso, tem-se que o presente artigo aborda uma temática de extrema relevância para o campo das Relações Internacionais, contribuindo por meio de uma análise da evolução histórica do conflito e da sua resolução, de maneira a trazer novas perspectivas sobre a ideia de resoluções de conflito como se tem atualmente e seus respectivos desdobramentos ao longo do contexto internacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Menezes dos Santos, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas)

Graduanda em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). E-mail: menezes.fernanda@outlook.com.

Flávio Timar Rodrigues, PUC Minas

Graduando em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). E-mail: flatimar@hotmail.com.

Isadora Ferreira Marinho, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas)

Graduanda em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG). E-mail: ifmarinho@sga.pucminas.br

Publicado
26-07-2022
Como Citar
Menezes dos Santos, F., Rodrigues, F. T., & Ferreira Marinho, I. (2022). Guerra do Kosovo e Segurança Internacional: uma breve análise sobre a Resolução do Conflito e os desdobramentos atuais. Fronteira: Revista De iniciação científica Em Relações Internacionais, 21(41), 25-42. Recuperado de http://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/26430