A atuação paradiplomática do Rio Grande do Sul nos governos Tarso Genro e José Ivo Sartori

Paradiplomacy of the Brazilian state of Rio Grande do Sul in the administrations of Tarso Genro and José Ivo Sartori

  • Natália Hedlund Jardim Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Resumo

Este trabalho realizou uma análise comparativa da paradiplomacia do Rio Grande do Sul nas gestões de Tarso Genro (2011-2014) e José Ivo Sartori (2015-2018), com o objetivo de testar parâmetros criados para qualificar a atuação paradiplomática de um governo e, assim, conferir critérios e materialidade à análise da paradiplomacia. Foram analisados os planos de governo, as agendas oficiais e notícias divulgadas pelo portal estadual, de modo a identificar o tipo de paradiplomacia efetuada, as temáticas mais abordadas nas agendas de cunho internacional e os atores, regiões e países priorizados nos contatos de cada gestão. Constatou-se que ambos os governos utilizaram a paradiplomacia como um instrumento para a implementação de políticas dentro de sua esfera de competências, mas com estratégias e abordagens diferentes.

Publicado
13-09-2021
Como Citar
Hedlund Jardim, N. (2021). A atuação paradiplomática do Rio Grande do Sul nos governos Tarso Genro e José Ivo Sartori. Fronteira: Revista De iniciação científica Em Relações Internacionais, 20(39), 158-181. Recuperado de http://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/23497