A diplomacia pública para alcançar a Protodiplomacia: uma perspectiva sobre a Catalunha

The public diplomacy to reach the Protodiplomacy: an outlook about Catalonia

  • Hugo Carvalho PUC-MG (Egresso)

Resumo

Este artigo procura relacionar a diplomacia pública como um método para se realizar a Protodiplomacia, termo que define as atividades no âmbito internacional de governos descentralizados que buscam criar bases internacionais para uma futura secessão. O artigo estuda o caso da Catalunha, analisando as suas características históricas chegando ao marco temporal deste trabalho que foi a decisão por ilegalidade pela Suprema Corte espanhola em 2010 do seu Estatuto da Autonomia de 2006, iniciando-se a secessão política.  A diplomacia pública analisada foi a de Quebec, que possui três traços: identitária, institucionalizada e doméstica. Verifica-se que, após a reflexão sobre a atuação internacional da Catalunha, a Protodiplomacia não pode ser realizada através da diplomacia pública devido a uma questão interna da Catalunha.

Publicado
13-09-2021
Como Citar
Carvalho, H. (2021). A diplomacia pública para alcançar a Protodiplomacia: uma perspectiva sobre a Catalunha. Fronteira: Revista De iniciação científica Em Relações Internacionais, 20(39), 139-157. Recuperado de http://seer.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/22514