[1]
R. M. F. Alves, “Antropofagia em acordes dissonantes: uma possível digestão de um antropófago indigesto”, Cadernos CESPUC, nº 36, p. 106-132, jul. 2020.